REGULAMENTO DESPORTIVO CKDA KART GT 2019

1.0 – CONSIDERAÇÕES GERAIS:

1.0.1 - O campeonato de Kart dos amigos, doravante denominado CKDA KART GT será disputado em 10 etapas e será regido por este regulamento desportivo;

1.0.2 – As etapas serão disputadas em 2 baterias de 15 minutos + 3 voltas, sendo que o grid da primeira bateria será definido conforme artigo 9.0 deste regulamento e o grid da segunda bateria será sempre a inversão da classificação da primeira bateria. Ou seja, o primeiro colocado da primeira bateria larga em ultimo com o kart do ultimo colocado e o ultimo larga em primeiro com o kart do primeiro colocado e assim sucessivamente.

1.0.3 - A idade mínima para participação do campeonato é de 15 anos, desde que os menores de idade sejam acompanhado do (s) pai (s) ou responsável (eis), que nas corridas terão que assinar um termo de responsabilidade exigido pelos kartódromos;

1.0.4 - A organização terá todo o direito, sem prévio aviso, de alterar o regulamento adicionando adendos ou mudando cláusulas sempre visando o bom andamento do campeonato.

2.0 – DATAS E LOCAIS:

2.0.1 – O campeonato ocorrerá seguindo o cronograma abaixo, que além de estar presente neste regulamento será divulgado nas redes sociais e por e-mail a todos os pilotos:

 

MÊS                                     DATA                                      ETAPA       LOCAL                           CIDADE 

MARÇO                           09/03/2019                                 1 e 2         Interlagos                  São Paulo / SP

ABRIL                             06/04/2019                                    3            Beto Carrero              Penha /SC

MAIO                               04/05/2019                                    4            Kart Int Joinville        Joinville / SC

JUNHO                            15/06/2019                                    5            Ingleses                     Florianóplis /SC

JULHO PAUSA

AGOSTO                         03/08/2019                                  6 e 7         Aldeia da Serra         Barueri / SP

SETEMBRO                    28/09/2019                                     8            Speed Way                 Camboriu / SC

OUTUBRO                      19/10/2019                                      9           Beto Carrero              Penha / SC

NOVEMBRO                   09/11/2019                                 10 e SF     Ingleses                      Florianóplis / SC

 

2.0.2 – Os horários serão estipulados pela organização e disponibilizados no site do campeonato, Facebook e WhatsApp, para todos os pilotos, em datas próximas às etapas;

2.0.3 – Se necessário a organização poderá alterar datas, horários e locais dos eventos;

2.0.4 – Não serão aguardados pilotos que estiverem atrasados a não ser por motivo de força maior onde um grande número de pilotos possa vir a se atrasar por um problema no deslocamento, cabendo à organização estabelecer a melhor condição para o início da corrida ou até mesmo cancelar o evento nesse dia. Poderão existir atrasos provenientes do kartódromo e da organização da prova.

3.0 - CATEGORIA PRINCIPAL:

3.0.1 – O Campeonato será disputado em 3 (três) categorias de 20 pilotos, divididas por peso, conforme descrição abaixo:

  • C1 – pilotos com peso mínimo de 85 kg;

  • C2 – pilotos com peso mínimo de 95 kg;

  • C3 – pilotos com peso mínimo de 105 Kg.

 

Nota: Os pilotos poderão se inscrever na categoria que quiserem. Porém, ficará a cargo da organização, se necessário relocar o piloto em outra categoria, de acordo com seu peso corporal.

3.0.2 – Os pilotos de cada categoria irão disputar 10 etapas com direito a descartar seus 2 (dois) piores resultados no final da temporada. O campeão será o piloto que acumular o maior número de pontos considerando os descartes e os critérios de desempate do artigo 11 (Critérios de Desempate);

3.0.3 – Serão premiados com troféus os três primeiros colocados de cada etapa;

3.0.4 – No final do campeonato serão premiados com troféus os 5 primeiros colocados de cada categoria (campeão, vice, terceiro, quarto e quinto lugares).

3.0.5 – Será realizada, junto com a ETAPA 10, uma super final que será composta pelos 6 melhores classificados de cada categoria. Detalhes sobre como será conduzida a super final, kartódromo e regras, serão divulgadas no decorrer do campeonato.

4.0 – PESOS / LASTROS:

4.0.1 – A pesagem dos pilotos será obrigatória ao final da corrida, não sendo obrigatória pesagem antes da corrida.

O piloto deverá se pesar ao final de cada uma das baterias que compõe a etapa. Se o piloto não atingir o peso em qualquer uma das baterias, será desclassificado daquela bateria e terá a pontuação da bateria que disputou dividida por 2 e esta etapa não poderá ser utilizada como descarte.

O peso de cada categoria será respeitado de acordo com o item 3.0.1 do artigo 3 (Categoria Principal) deste regulamento, com uma tolerância de 100 gramas.

4.0.2 – O piloto será o único responsável pela aquisição, manutenção e instalação de seu lastro, não cabendo à organização a compra dos lastros. Alguns kartódromos disponibilizam pesos (normalmente de 5kg) para instalação nos karts;

5.0 – ITENS OBRIGATÓRIOS DE SEGURANÇA:

5.0.1 – São considerados itens obrigatórios e de segurança e de responsabilidade do piloto CAPACETE, MACACÃO ou CALÇA E CAMISA DE MANGA LONGA, LUVAS E SAPATILHA OU TÊNIS. Alguns kartódromos fornecem gratuitamente capacete, macacão e luvas. Caso o piloto não tenha seus equipamentos e o kartódromo não os fornecer, o piloto ficará impedido de correr a(s) etapa(s) a menos que providencie o material. Caso não consiga providenciar a tempo não participará e não poderá usar a etapa como descarte, sem a perda do bônus por confirmação. No caso do piloto ser flagrado durante a corrida sem um dos itens será desclassificado ao término da corrida;

5.0.2 – A organização recomenda, para maior segurança dos pilotos, o uso dos seguintes itens de segurança, não obrigatórios, ficando a critério do piloto a utilização ou não desses itens:

 

  • Protetor de pescoço ou hans;

  • Balaclava;

  • Protetor de costela.

 

6.0 – INSCRIÇÕES:

6.0.1 – No ato da inscrição o piloto aceitará o regulamento na íntegra, sem direito a questionamentos futuros.

Categoria Principal – Valor R$ 522,00 por piloto;

6.0.2 – O pagamento da inscrição poderá ser à vista até dia 10/01/19 ou em 3x (1ª parcela no dia 10/01/2019 no valor de R$ 174,00, 2ª parcela dia 10/02/2019 no valor de R$ 174,00, e 3ª parcela dia 07/03/2019 no valor de R$ 174,00).

Nota: Para pagamento à vista, até dia 10/01/2019, o valor cobrado será de R$ 480,00.

 6.0.3 – Caso o piloto não realize o pagamento nas datas acordadas será automaticamente excluído do campeonato, não será reembolsado dos pagamentos efetuados e outro piloto será colocado em seu lugar.

Em caso de desistência após o início do campeonato, o piloto também não será reembolsado e outro piloto será colocado em seu lugar.

 

6.0.4 – Já está incluso na taxa de inscrição o valor da locação do ônibus (ida e volta) para as 1, 2, 6 e 7, que serão realizadas em São Paulo.

IMPORTANTE – O valor da locação do ônibus não será abatido da taxa de inscrição, caso o piloto resolva ir por conta própria.

Despesas com alimentação, bebidas e aluguel dos karts, serão por conta do piloto.

Nas demais etapas o custo das viagens e meio de locomoção serão por conta dos pilotos.

7.0 – TAXAS:

7.0.1 – A cada etapa haverá uma taxa adicional, denominada “taxa de pista”, obrigatória para todos os pilotos, a ser pago à Organização, no valor de R$ 30,00 (trinta reais) por piloto. Em etapas duplas será de R$ 60,00 (sessenta reais). Esse recurso será usado para pagar despesas de manutenção do site e outras adicionais que a organização terá durante o campeonato, além da contratação dos diretores e comissários de prova.

Em caso de desistência ou exclusão do campeonato as taxas de inscrição e a taxa adicional não serão devolvidas ao piloto, mesmo que o campeonato ainda não tenha iniciado.

7.0.2 – O piloto deve pagar a taxa de pista no dia da corrida, antes de entrar na pista. Caso o pagamento seja feito após a corrida o piloto pagará o valor da taxa de pista em dobro podendo depositar o valor até a quarta-feira seguinte a etapa. A partir da quinta feira seguinte a etapa, o piloto pagará uma multa no valor de 100,00 mais a taxa pendente. No caso de este valor não ser pago/depositado, o piloto será impedido de correr a(s) etapa(s) seguinte(s) até que acerte o valor devido, sem direito a descarte. Na reincidência, a critério da organização, poderá ser excluído do campeonato sem direito a reembolso. Na última etapa o piloto somente entrará na pista após o pagamento da taxa;

7.0.3 – O piloto poderá realizar o pagamento das taxas de pista por transferência bancária em conta a ser fornecida pela organização. Esta opção será possível apenas se realizar o pagamento de mais de uma taxa ao mesmo tempo. Caso o piloto opte por pagar todas as taxas a vista o valor será de R$ 250,00.

8.0 – SORTEIO DOS KARTS:

8.0.1 – Antes de todas as etapas será realizado o sorteio de todos os karts pelos organizadores, sendo possível o acompanhamento do sorteio por qualquer piloto;

8.0.2 – Na primeira etapa a ordem dos pilotos para o sorteio será alfabética;

8.0.3 – A partir da 2ª etapa o sorteio será respeitando a classificação invertida;

8.0.4 – Após o sorteio será divulgado também quais os karts que ficarão de reserva na bateria;

9.0 – FORMAÇÃO DO GRID:

9.0.1 – Todas as etapas serão disputadas com grid cheio e com largada no sistema LADO A LADO;

9.0.2 – Nas etapas 1, 6, e 10 as posições de largada serão definidas por tomada de tempo na primeira bateria, nas demais o grid será composto pela classificação geral do campeonato invertida (1º lugar larga em último, 2º em penúltimo e assim por diante). Por se tratar de uma etapa especial, as punições da 1ª e 6ª etapas não serão aplicadas para formação do grid da 2ª e 7ª etapas respectivamente. Todas as punições serão computadas no final das duas etapas;

9.0.3 – Caso haja algum imprevisto durante a etapa que impossibilite a realização de tomada de tempo o grid será definido pela classificação geral do campeonato invertida;

9.0.4 – Caso, antes ou durante o início da corrida, o sistema de sensores do kartódromo, por quaisquer motivos, venha a não funcionar, a corrida deverá ser interrompida (caso tenha iniciado), e após organização dos fiscais deverá ser realizada a relargada, conforme artigo 12 (Relargada) deste regulamento.

 

10.0 – PONTUAÇÕES:

10.0.1 – A pontuação das etapas respeitará a seguinte regra:

O vencedor de cada etapa será o piloto que somar o maior número de pontos em cada uma das duas baterias, ou seja, o piloto ficou em 1º na primeira bateria, soma 36 pontos, e ficou em 20º na segunda, soma mais 07 pontos. A soma total dos pontos determina o vencedor de cada etapa, que levará para a classificação do campeonato os seguintes pontos:

 

  • P1 = 36 pontos;

  • P2 = 33 pontos;

  • P3 = 30 pontos;

  • P4 = 28 pontos;

  • P5 = 26 pontos;

  • P6 = 24 pontos;

  • P7 = 22 pontos;

  • P8 = 20 pontos;

  • P9 = 18 pontos;

  • P10 = 17 pontos;

  • P11 = 16 pontos;

  • P12 = 15 pontos;

  • P13 = 14 pontos;

  • P14 = 13 pontos;

  • P15 = 12 pontos;

  • P16 = 11 pontos;

  • P17 = 10 pontos;

  • P18 = 09 pontos;

  • P19 = 08 pontos.

  • P20 = 07 pontos

 

10.0.2 – A partir da 4ª etapa, na classificação geral já estarão computados os descartes dos 2 (dois) piores resultados de cada piloto;

10.0.3 – Bônus de +1 ponto para melhor volta de cada categoria, em cada etapa (será considerada a melhor volta das duas baterias);

10.0.4 – Bônus de +2 pontos para confirmação de presença na etapa, até a quarta feira da semana que antecede a corrida;

10.0.5 - Bônus especial: nas etapas onde haverá qualifying serão premiados os pilotos que fizerem pole, segundo e terceiro lugar com 6, 4 e 2 pontos respectivamente.

10.0.5 – O Piloto não confirmou, mas compareceu, fica sem bonificação;

10.0.6 – Piloto confirmou, compareceu, mas por problemas de saúde ou que o façam se ausentar do kartódromo, impossibilitando-o de correr, perde o bônus e pode usar como descarte;

10.0.7 – O Piloto confirmou, mas não compareceu não ganha bônus e pode usar como descarte desde que comunique a organização até 2 horas antes de começar a corrida da sua categoria. Caso não se comunique com a organização, na próxima etapa larga em último. Se houver mais que um piloto nessa situação, realizaremos sorteio para posicionamento no grid entre os pilotos envolvidos;

10.0.8 – O Piloto que faltar a uma etapa e não justificar sua ausência, na etapa seguinte largará na última posição deverá aguardar 10 segundos após a bandeirada para largar. Se houver mais que um piloto nessa situação, a ordem entre os pilotos envolvidos será definida por sorteio;

10.0.9 – O Piloto que faltar duas etapas sem justificativas será desligado do campeonato sem direito ao reembolso da inscrição na(s) categoria(s) a que se inscreveu e das taxa(s) extra(s).

10.0.10 – A última etapa do campeonato terá pontuação dobrada, ou seja, o primeiro colocado irá receber 72 pontos e o vigésimo colocado 14 pontos. Não está incluído neste item pontuações dadas como bonificação.

11.0 – CRITÉRIOS PARA DESEMPATE:

11.0.1 - Serão critérios de desempate os seguintes itens, nessa ordem:

 

  • Maior número de vitória(s);

  • Menor número de punições;

  • Maior número de segundo(s) lugar(es);

  • Maior número de terceiro(s) lugar(es);

  • Maior número de quarto(s) lugar(es);

  • Maior número de quinto(s) lugar(es);

  • Maior número de pontos sem descartes.

 

11.0 – TROCA DE KART:

11.0.1 – Após o sorteio, o piloto terá a opção de trocar o kart e para isso será disponibilizado um dos karts reservas de acordo com o item 8.0.4 do artigo 8 (Sorteio dos Karts), porém o mesmo largará em último e terá de aguardar 10 (dez) segundos após a bandeirada para largar. Para realizar a troca o piloto deverá procurar o FISCAL DO BOX e solicitar a troca. O FISCAL DO BOX ou alguém delegado por ele realizará o sorteio dentre os karts reservas e informará o piloto;

NOTA: O kart para o piloto da segunda bateria será o kart de sorteio e não o kart de troca. Ou seja, se um piloto foi sorteado com o kart 01 e trocou para o kart 05. Este piloto chegou em primeiro lugar na inversão do grid para a próxima bateria o piloto que irá trocar o kart com este deverá pegar o kart de sorteio, neste caso o 01. Este piloto tem o direito de trocar o kart pelo kart reserva da lista, porém, largará em último, 10(dez) segundos após a bandeirada para largarda.

11.0.2 – Caso o kart não esteja em condições de uso, comprovado por mecânico do kartódromo, (exemplo: motor não funciona por problema na partida/ignição ou então problema em itens de segurança como os freios) e desde que o kart ainda esteja no pátio fechado (Box), será disponibilizado o kart reserva conforme explicado no item 11.0.1 acima sem prejuízo na posição de largada do mesmo;

11.0.3 – Após a saída do pátio fechado se o kart quebrar na pista e precisar ser substituído, por quebra mecânica (não será considerado como quebra mecânica falta de freio ou rompimento do cabo do acelerador), será disponibilizado o kart reserva conforme explicado no item 11.0.1, porém o piloto será obrigado a largar em último;

11.0.4 – Caso um determinado piloto realize a troca de kart por mais de uma vez, se enquadrando nos itens 11.0.1, a punição em tempo será cumulativa, ou seja, se o piloto trocar de kart duas vezes antes da largada deverá aguardar 20 segundos para largar, e assim por diante;

11.0.5 – Se na formação do grid o kart não pegar, seja qual for o problema do kart, será feita a substituição do mesmo, com punição descrita no item 11.0.3 acima. Caso não seja possível realizar a troca do kart poderá ser feito o conserto desde que não comprometa o andamento da corrida;

11.0.6 – Após a largada e de completar uma volta (será considerada volta, percorrer todo o circuito e cruzar novamente a linha de largada/chegada), o piloto poderá trocar de kart sem punição, sendo de responsabilidade do mesmo transferir os lastros para o kart reserva. Se entrar antes de completar uma volta será punido com 10 segundos acrescidos de seu tempo final de corrida;

11.0.7 – É expressamente proibido ao piloto mexer ou pedir para mexer no kart (borboleta, motor, cabos de comando ou fazer calibragem nos pneus). O piloto deverá chamar o fiscal da organização para expor algum problema que fará a checagem necessária e tomar as devidas providências. Se for flagrado, seja antes, durante ou depois da corrida, será desclassificado, sem direito a descarte e sem perda do bônus por confirmação;

11.0.8 – Em caso de quebra do kart o piloto deverá aguardar a chegada de um kart substituto ou se dirigir com segurança até o local dos karts reservas, dependendo do kartódromo. Não haverá punição para casos de quebra com substituição do kart durante a prova, respeitando o item 11.0.6;

11.0.9 – Se durante a prova o cabo do acelerador se quebrar, o piloto é proibido de acelerar com a mão, neste caso deverá adotar o descrito no item 11.0.7 acima. Se for flagrado, seja antes, durante ou depois da corrida com o auxílio de imagens, será desclassificado, sem direito a descarte e sem perda do bônus por confirmação;

12.0 – RELARGADA:

12.0.1 – Em caso de acidentes ou qualquer motivo pelo qual a prova tenha sido interrompida, será feita a relargada de acordo com o seguinte critério:

  • Se houver paralisação na primeira volta, a relargada será igual ao grid inicial;

  • Se houver paralisação a partir da segunda volta, a posição do grid de relargada será definida pelas posições dos pilotos na última volta completa antes da paralisação.

12.0.2 – A corrida será reiniciada com os mesmos karts em fila indiana, não sendo permitida a troca de kart no intervalo de posicionamento da relargada, itens 11.0.3 e 11.0.4 do artigo 14 (Troca de Kart);

12.0.3 – Se não houver condições de relargada cabe à organização decidir a melhor opção visando maior segurança de todos os pilotos, seja optando pela relargada, cancelamento ou transferência da prova para outro local ou data.

13.0 – PROIBIÇÕES E PUNIÇÕES:

13.0.1 – Fora das pistas

13.0.1.1 – O piloto pode, a qualquer momento, se comunicar com a organização através do whatsApp ou pelo e-mail ckda2@hotmail.com, afim de solicitar informações sobre punições ou qualquer outra questão referente ao campeonato.

13.0.1.2 – Fica terminantemente proibido qualquer tipo de agressão, seja física, verbal, por gesto e ou moral. Os pilotos que infringirem esse item do regulamento serão advertidos. Em caso de reincidência, poderão ser suspensos da próxima etapa, sem direto a descarte, ou ainda, sendo possível a expulsão dos envolvidos de acordo com a análise dos fatos pela organização.

13.0.1.3 – Todas e quaisquer atitudes, dentro ou fora da pista, que não vão de encontro com o bom andamento do campeonato serão punidas, seja com advertência, perda de pontos, suspensão ou inclusive com exclusão do campeonato, sem direito a reembolso;

13.0.2 – Dentro das pistas

13.0.2.1 – Somente os pilotos da categoria que irá correr é quem poderão ficar no local de pesagem e parque fechado. Os demais pilotos deverão aguardar em outro local a sua chamada; 

13.0.2.2 – Durante a corrida é proibido aos demais pilotos ou amigos ficarem na área do parque fechado, boxes ou pista, se for necessária a presença de alguém só poderá acontecer com autorização antecipada da organização. Essa norma visa melhor fluidez no andamento entre as baterias, em casos omissos caberá à organização determinar qual será a punição aplicada ao piloto;

13.0.2.3 – Rádios Comunicadores: É proibida a utilização de rádios comunicadores para orientar os pilotos dentro da pista. Os rádios comunicadores serão de uso exclusivo das pessoas envolvidas com a organização. O piloto que for flagrado usando fones de ouvidos durante a corrida será desclassificado,  perdendo os pontos, sem direito a descarte, sem perda do bônus por confirmação;

13.0.2.4 – Direção ou atitude perigosa: Será considerada direção perigosa, conduzir o kart de maneira a pôr em perigo a sua própria integridade física, dos demais pilotos e/ou dos fiscais de pista. Atitude perigosa será considerada uma ação que ofereça risco a qualquer pessoa envolvida com o evento, como levantar do kart em local inseguro, por exemplo. Em casos graves que tenha ocasionado um acidente, a critério da fiscalização/organização, o piloto será desclassificado com a aplicação de bandeira preta, conforme item 13.0.2.8 abaixo apresentado;

13.0.2.5 – No caso de o piloto rodar na pista, independente da posição em que parou (dentro ou fora da pista), o mesmo deve aguardar a passagem dos demais karts para voltar à pista em segurança. Caso o motor tenha apagado, o piloto deve aguardar sem se levantar do seu kart a chegada dos auxiliares do kartódromo que auxiliarão o piloto no retorno a pista. No caso de retorno para a pista sem segurança o piloto poderá ser punido de acordo com o item 13.0.2.4 acima apresentado;

13.0.2.6 – Não é obrigação dos fiscais CKDA auxiliar pilotos que rodarem na pista, a responsabilidade é dos fiscais do kartódromo. Porém se o fiscal, por livre e espontânea vontade, quiser auxiliar poderá assim fazê-lo. Reclamações poderão ser consideradas atitudes antidesportivas, podendo o piloto receber uma advertência e, em casos de reincidência, as punições descritas no item 13.0.1.1 acima apresentado;

13.0.2.7 – Os Karts para as disputas das provas são de propriedade dos kartódromos, não cabendo à organização deste campeonato a manutenção dos mesmos. Casos de quebras e tempos diferenciados ocorrerão durante todo o campeonato e não serão aceitas reclamações. Variações no acerto dos karts podem ocorrer por se tratar de kart de locação;

13.0.2.8 – Casos de desrespeito às bandeiras abaixo citadas poderão acarretar perda de pontos. A punição será a perda de 2 pontos e, em caso de reincidência, cada caso será avaliado pelos fiscais / organização:

  •  

    • Azul – facilite a ultrapassagem, você é retardatário e deverá dar passagem aos pilotos;

    • Amarela – no trecho sinalizado por bandeiras amarelas é proibida a ultrapassagem;

    • Vermelha – corrida interrompida, devem se dirigir em baixa velocidade e parar no ponto indicado;

    • Preta – desclassificado, o piloto deverá imediatamente dirigir-se aos boxes. Se o piloto se recusar a parar, a partir da 2º volta será desclassificado da prova e suspenso da prova seguinte;

13.0.2.9 – O piloto poderá defender sua posição somente uma vez na pista, ou seja, mudar seu traçado uma vez e voltar para o traçado original. A punição da perda de 4 pontos poderá ser aplicada se houver prova do acontecimento no dia da corrida ou, se houver dúvida por parte dos fiscais, analisando imagens das câmeras da organização ou cedidas a esta;

13.0.2.10 – É permitido ao piloto levantar o braço para chamar atenção do fiscal quando houver abuso do piloto de trás, porém, se o piloto repetir o gesto constantemente, reclamando de toques casuais, em lances considerados normais dentro da corrida, gesticulando para o fiscal com intenção de induzir a penalização do piloto de trás, o mesmo poderá ser punido com - 2 pontos;

13.0.3 – Punições com perda de pontos e/ou desclassificação

13.0.3.1 – P1 - Punição de -4 pontos:

13.0.3.1.1 – Bater propositalmente na traseira do piloto que está à sua frente (totó);

13.0.3.1.2 – Forçar uma ultrapassagem esparramando o seu kart para cima outro kart em pontos de frenagem e aceleração, seja em curva de baixa ou de alta com intuito de colocar o outro kart para fora da pista;

13.0.3.2 – P2 - Punição de -4 pontos + 10 seg./acréscimo no tempo total:

13.0.3.2.1 – Bater atrás ou de lado desequilibrando o piloto da frente, mesmo que não o faça rodar, porém forçando-o a cometer erro, perder tempo e posições.

13.0.3.2.2 – Bater no piloto a sua frente com a intenção de fazer o mesmo bater no próximo induzindo o mesmo a ser penalizado;

13.0.3.2.3 – Queimar a largada (considera-se queima de largada qualquer movimento do piloto antes do iníci0 da corrida; em caso de largada por bandeirada, a largada será valida após o fiscal baixar totalmente a bandeira);

13.0.3.3 – P3 - Punição de -6 pontos + 20 seg./acréscimo no tempo total:

13.0.3.3.1 – Cortar caminho para se beneficiar de uma ou mais posições;

13.0.3.3.2 – Fazer a ultrapassagem usando a grama como pista ou passando com os pneus(s) dianteiro e traseiro fora do asfalto e zebras (meio kart);

13.0.3.3.3 – Bater no piloto da frente fazendo-o rodar;

13.0.3.4 – As punições P1, P2 e P3, serão aplicadas ao piloto ao final das duas baterias, ou seja, a posição de pista permanece inalterada para formação de grid da segunda bateria no caso de punições na primeira bateria. Após o término do evento as punições serão aplicadas e a posição real será indicada.

13.0.3.5 – Desclassificação: se o piloto receber a bandeira preta ou se encaixar em algum dos itens anteriormente citados neste regulamento que o faça ser desclassificado da etapa ficará com pontuação zero nesta etapa, não podendo utilizá-la como descarte, porém sem a perda da bonificação por confirmação;

NOTA: Fica a cargo da fiscalização de prova definir a desclassificação de qualquer piloto, de qualquer etapa por atitude que julgar desleal, mesmo que não esteja especificada neste regulamento.

13.0.3.6 – Pilotos que ganharem posição em lances que se encaixem em um dos subitens acima citados no item 13.0.3 serão punidos, independente de terem devolvido a(s) posição(ões) na pista.

13.0.3.7 – As punições serão divulgadas via Facebook sendo publicadas no grupo fechado após dois dias, salvo situações pontuais que deverão ser expostas pela organização, podendo assim ser realizada em data posterior. Quando houver dúvida (s) sobre a punição a ser aplicada ou piloto a ser punido, será feita a checagem das câmeras e consultas com os fiscais. Erros de punições aplicadas por fiscais serão avaliadas e cabe à direção técnica decidir se mantém ou não a punição. As punições não serão enviadas por e-mail.

14.0 – RECURSOS PARA DEFESA DO PILOTO:

 

14.0.1 – Os pilotos que se sentirem prejudicados durante a corrida seja por uma punição que julgue injusta ou um lance onde outro piloto lhe prejudicou e o mesmo não tenha sido penalizado pelos fiscais da prova, o piloto poderá entrar com recurso que prove o fato através de vídeo ou fotos ao término da PROVA. O recurso será julgado imediatamente após a apresentação do mesmo e terá seu veredito final, não sendo possível entrar com novo recurso sobre o mesmo fato.

 

 

15.0 – CONSIDERAÇÕES FINAIS

15.0.1 – Todos os pilotos inscritos nas provas autorizam a exibição de sua imagem em todo o território nacional e fora deste, desde que relacionadas com os eventos do campeonato, abrindo mão de seus direitos de arena e nada tendo a reclamar quanto à veiculação de sua imagem em mídias, folhetos, encartes, anúncios, cartazes, imagens, fotos ou outra forma de divulgação referente ao campeonato;

15.0.2 - Será permitida a pessoas de fora auxiliarem com placas de comunicação e mensagens dentro de um local autorizado pela organização;

15.0.3 – Todos os pilotos deverão ler e assinar o Termo de Responsabilidade (artigo 20 deste regulamento), preenchê-lo, assiná-lo e entregá-lo na primeira etapa juntamente com cópia simples do RG e CPF do piloto ou responsável;

15.0.4 – O CKDA, Campeonato de Kart Dos Amigos, é um campeonato amador e, como o próprio nome diz, uma diversão entre amigos. Solicitamos que a prioridade seja a boa convivência e esportividade entre os pilotos. O campeonato tem o intuito de aproximar todas as pessoas que gostam do kartismo amador como esporte. Tenham ciência, conforme descrito no Termo de Responsabilidade (artigo 20 deste regulamento) a ser assinado na primeira etapa, de que as disputas podem levar a acidentes de maior ou menor proporção e que todos os riscos e responsabilidades são assumidos pelo piloto.

***********************
SEM MAIS PARA O MOMENTO, DESEJAMOS UM ÓTIMO CAMPEONATO A TODOS.

ORGANIZAÇÃO DO CKDA KART GT 2019

16.0 – TERMO DE RESPONSABILIDADE AO REGULAMENTO DO CAMPEONATO CKDA KART GT 2019.

 

Declaro que li o regulamento e me comprometo a respeitar e aceitar todos os itens e artigos referentes às normas deste regulamento. Responsabilizo-me também pela minha pessoa e declaro estar em plenas condições físicas e mentais para a prática do kartismo e ainda pelo meu equipamento em treinos e corridas realizadas nos kartódromos pré-definidos no campeonato CKDA KART GT 2019.

 

Os organizadores, apoiadores e eventuais patrocinadores envolvidos no evento não têm nenhuma responsabilidade civil ou penal por infrações cometidas ou acidentes causados por mim, durante os treinos e as provas. Essa responsabilidade será exclusivamente minha, ou daquele(s) que tiver(em) se envolvido em acidente(s), ou ainda, de seu(s) representante(s) legai(s).

 

Declaro que os dados acima são verdadeiros, que estou ciente desse termo de responsabilidade ao regulamento.

 

No caso do não cumprimento ao regulamento fico desde já ciente que perderei o direito de continuar no campeonato sem direito a nenhum reembolso caso haja a minha desclassificação prevista por esse regulamento.

 

Curitiba, ______ de _____________________ de 2019.

Assinatura:

 

Nome do Piloto:

 

CPF: 

RG:

Todos os direitos reservados/CKDA KART GT ]